CÂMARA APROVOU TÍTULO DE VULTO EMÉRITO

– 1º-08-2007 – 


 


        Foram movimentadas as duas Sessões Ordinárias realizadas nesta semana pela Câmara de Vereadores de Francisco Beltrão, com a votação de diversos projetos e requerimentos. Três projetos do executivo foram aprovados em redação final.  O 37 dispõe sobre as diretrizes para elaboração do orçamento do município para o exercício financeiro de 2008. O 56 autorizou a prefeitura a conceder auxílio financeiro mensal de R$ 2.646,00 para a Associação do Atletismo Beltronense, Atlebel. O 57 autorizou a concessão de auxílio financeiro para a APMI, no valor de R$ 7.300,00. Os recursos serão usados para a promoção de cursos, para o programa de apoio às gestantes carentes e pagamento de despesas de consumo de água e luz das creches.


        Duas matérias do Legislativo foram aprovadas em primeira votação. Por unanimidade foi aprovado o projeto 10, do vereador Luiz Carlos Santos da Silva, o Didio, PSDB, que concede o Título de Vulto Emérito de Beltrão para o médico Valentin Zanchet, que por muitos anos trabalhou na rede pública de saúde de Francisco Beltrão. Também foi votado o Anteprojeto de Decreto Legislativo, da Comissão de Finanças e Orçamentos, que “Não Acolhe” parecer prévio do Tribunal de Contas do Paraná sobre as contas do executivo do exercício financeiro de 1.999. Em votação secreta o projeto recebeu 8 votos favoráveis e 1 contrário, ficando aprovado por maioria de votos.


 


                                               REQUERIMENTOS


 


                A vereadora Inez de Oliveira Santos, PSDB, reivindicou a construção de uma ciclovia, começando na empresa Fremapar, no bairro Pinheirinho, seguindo até o trevo de saída para Itapejara D’Oeste, no Contorno Leste. Também pediu o alargamento do acesso à PR 180, entrada da Linha Triton, próximo da empresa Fremapar. O vereador Adair Machado, PSDB, pediu o envio de ofício para a direção da empresa Latco demonstrando o apoio dos vereadores beltronenses na instalação da nova indústria de leite em pó em nosso município. Também requereu o envio de ofício para os deputados estaduais e federais que representam Beltrão pedindo que os mesmos se manifestem publicamente apoiando a instalação da nova indústria da Latco em Beltrão.


        Três requerimentos aprovados são do vereador Luiz Carlos Santos Didio da Silva, PSDB. Reivindicou a instalação de um telefone público em frente ao Centro Social da Água Branca, construção de calçamento, implantação de iluminação pública e telefone público na Vila Lodi, bairro Água Branca. A vereadora Elenir de Souza Maciel, PP, pediu o envio de ofícios para o Conselho Nacional de Previdência Social, Conselho Estadual de Assistência Social e Secretaria Estadual de Promoção Social pedindo que sejam criados mecanismos para disciplinar a excessiva propaganda das instituições financeiras em relação a concessão de empréstimos financeiros consignados para os aposentados. Os demais vereadores subscreveram o requerimento.


        Elenir Maciel e Celmo Salvadori, PP, pediram Voto de Pesar pelo falecimento de Aldino Link, ocorrido no dia 24 de julho. Elenir Maciel, Inez de Oliveira Santos e Atanázia Hellmann Pedron, PP, requereram Voto de Pesar pelo falecimento da professora Rosa Irene Busato Balotin, ocorrido no dia 24 de julho. Outros dois requerimentos são do vereador Anizio Cezar Pereira, sem partido. Um deles foi aprovado. Requer o envio de ofício para a Secretaria de Segurança Pública solicitando informações sobre a previsão de instalação do Batalhão da Polícia Militar em Beltrão e o número de policiais militares que serão designados para prestar serviços em Francisco Beltrão.


        No outro requerimento o vereador Cezar pedia o envio de ofício ao Promotor Público Eduardo Alfredo de Melo Simões, solicitando uma investigação com relação aos preços dos combustíveis na cidade. Cezar relatou que os preços cobrados em Beltrão são muito superiores aos praticados em várias cidades da região. Mas, na votação, o requerimento recebeu oito votos contrários, ou seja, somente o autor votou a favor. Com isso o requerimento foi rejeitado.


        O vereador Ivanir Tupi Prolo, PP, apresentou duas Indicações. Reivindicou do executivo a colocação de mastros e bandeiras nas entradas e rotatórias da cidade, colocando a bandeira do município, estado ou país. Tupi também pediu melhorias no asfalto que dá acesso à comunidade do KM 20.


 


                                            DIDIO SE DESPEDIU


 


        Depois de desenvolver a função de vereador por um mês, o vereador Luiz Carlos Santos da Silva, o Didio, se despediu na Sessão Ordinária de terça-feira, dia 31 de julho. Durante este período ele apresentou várias reivindicações através de Requerimentos e Indicações. Também protocolou dois projetos. Um deles, já aprovado, concede o título de Vulto Emérito para o médico Valentin Zanchet. O outro, ainda em tramitação, reivindica a inclusão das disciplinas de OSPB e Moral e Cívica no Ensino Fundamental das escolas de Francisco Beltrão.


        Através da Tribuna da Câmara Didio agradeceu o apoio que recebeu dos demais vereadores e relatou que espera ter novas oportunidades de retornar ao legislativo. Diversos vereadores também se pronunciaram elogiando o seu trabalho e a sua postura durante o tempo que permaneceu na função. Na próxima segunda-feira, dia 6, retorna para a Câmara o vereador Euclides Kidinho Ferreira dos Santos, PSDB, que se licenciou por um mês.


 


                                      PAUTA DA PRÓXIMA SESSÃO


 


        Na próxima segunda-feira, dia 6 de agosto, às 18 horas, a Câmara realiza mais uma Sessão Ordinária. Duas matérias do Legislativo serão votadas em redação final. Uma delas é o Anteprojeto de Decreto Legislativo, da Comissão de Finanças e Orçamentos, que “Não Acolher” o Parecer prévio do Tribunal de Contas sobre as contas do executivo do exercício financeiro de 1.999. O outro é o projeto do vereador Didio que concede o título de Vulto Emérito ao médico Valentin Zanchet.


        Em primeira votação será votado o projeto 16 do executivo sobre a reformulação do Plano Diretor. Esse projeto define o perímetro urbano municipal. Também serão debatidos e votados dois requerimentos, um do vereador Cleber Fontana, PMDB, e o outro do vereador Celmo Salvadori, PP.

%d blogueiros gostam disto: