Vereadores da oposição cobram repasse total do reajuste salarial aos professores municipais

Os vereadores Camilo Rafagnin(PT), Daniela Celuppi(PT), Aires Tomazoni(PMDB) e Evandro Wessler(PPS) protocolaram um requerimento que foi discutido e aprovado, por unanimidade, nesta segunda-feira, 19. O requerimento consiste no descumprimento da lei 11.738/08, que trata da valorização dos profissionais do magistério e da lei municipal 4.620/14, que se refere ao reajuste salarial da categoria. De acordo com a manifestação do vereador Aires Tomazoni, os professores ficaram sem receber o reajuste total do piso salarial que é de 6,81%. No entanto, o repasse ofertado pela administração municipal é de 3,8%. Com isso, houve uma perda real de 3,01%, o que na opinião do vereador, compromete a receita de cada professor. Agora, os vereadores aguardam um posicionamento do Executivo Municipal para entender se vai ou não ser repassado o percentual, restante, aos professores municipais.

%d blogueiros gostam disto: