Ivo Santos destaca atuação de juiz no município

O vereador Ivo Santos (PSC) teve aprovado por unanimidade na Câmara municipal, na sessão de terça-feira, requerimento em que propõe o envio de congratulações ao juiz federal Sandro Nunes Vieira, titular da vara única da subseção judiciária de Francisco Beltrão, pela eficiência e relevantes serviços prestados à população beltronense e região.


Em sua justificativa, o vereador  argumenta que tendo em vista a noticiada transferência do magistrado, “nada mais justo do que deixar registrado nos anais da casa, a prestatividade, competência, honradez, honestidade e amor ao ofício que desde primeiro de outubro de 2008 o mesmo dispensou a esta cidade e demais cidades que compõem a circunscrição da Vara Federal sediada em Francisco Beltrão”.


Ivo Santos complementa que “afora suas características e atributos pessoais que residem na particularidade de seus relacionamentos e que sem dúvidas também demarcaram suas atuações profissionais, vemos no Ilustre Magistrado um desempenho exemplar de seu ofício no período de 01 de outubro de 2008 a 28 de fevereiro de 2011, onde proferiu 4.951 sentenças; reduziu em 18% (dezoito por cento) o numero de processos em tramitação na Vara Federal em Francisco Beltrão; cumpriu exemplarmente a META 2 imposta pelo Conselho Nacional de Justiça nos anos de 2009 e 2010 assim como participou ativamente dos mutirões das subseções de Itajaí, Curitiba, Ponta Grossa onde prolatou 300 sentenças em regime de cooperação às unidades da Justiça Federal aqui referidas”.


              Mais adiante, o vereador destaca que esse desempenho profissional marca a história da Vara Federal de Francisco Beltrão, pois com o número de sentenças proferidas pelo Nobre Magistrado elevou-se para 60% (sessenta por cento) a média anual de sentenças proferidas na Vara Federal com Juizado Especial Federal Cível e Criminal Adjunto de Francisco Beltrão.


             Não bastasse tal índice, ainda se registra que o Dr. Sandro Nunes Vieira, em sua atuação exemplar deu cabo a um número bem maior de processos frente ao número de processos ajuizados, ou seja, houve mais processos resolvidos e encerrados do que processos ajuizados, sendo essa realidade fato raríssimo na Justiça Brasileira, onde enxergamos o acúmulo diário de ações propostas que emperram o dia a dia do Poder Judiciário.

%d blogueiros gostam disto: