COMISSÃO DE CARDIOLOGIA TEM PRIMEIRO ENCONTRO


 
      A Comissão Interna Especial da Câmara de Vereadores de Francisco Beltrão, também chamada de Comissão de Cardiologia, teve a primeira reunião nesta sexta-feira, dia 12. Ela foi instalada oficialmente na terça-feira, dia 9, com o objetivo de levantar alternativas que venham solucionar a carência de serviços cardiológicos em Francisco Beltrão, como procedimentos de cateterismo, angioplastia, dentre outros.

       No primeiro encontro estiveram presentes os vereadores Cleber Fontana, PSDB, proponente desta iniciativa, e Maria de Lourdes Pazzini, PMDB. Eles se reuniram com Cintia Ramos, diretora da 8ª Regional de Saúde, e Eduardo Cioatto, diretor geral do Hospital Regional. Eduardo e Cintia concordam que a demanda de procedimentos nesta área é grande e é necessário investimentos.

       Eles também enfatizam que o primeiro passo é investir no serviço básico, através da aquisição de equipamentos. Explicaram ainda que a compra dos equipamentos e adequação física necessitam de investimentos na ordem de R$ 2 milhões. Para Eduardo, como o Hospital Regional se tornará um hospital escola, em função do curso de Medicina na Unioeste, se torna um ponto positivo para que receba investimentos do estado na área de cardiologia. Também citou que na área vascular Beltrão já oferece cirurgia de alta complexidade, se tornando também outro ponto positivo.

       Nos próximos dias a comissão terá outros encontros. Para a próxima semana a reunião será com o Conselho Municipal de Saúde. Também será definida uma data para uma comissão ir a Curitiba, na secretaria estadual de Saúde, para reivindicar do estado investimentos na área de cardiologia. Esta comissão de vereadores tem prazo de 30 dias para concluir o trabalho. A partir daí, outra mobilização será iniciada, de forma mais abrangente, para que estes serviços sejam viabilizados. Além dos vereadores Cleber Fontana e Lourdes Pazzini, também integram a comissão da Câmara Alfonso Bruzamarello, PTB, e Elenir de Souza Maciel, PP.