Oficialmente criado o Conselho Municipal de Esporte e Lazer

Na sessão desta terça-feira, 18, os vereadores se reuniram para votar e discutir o projeto de lei sobre a criação do conselho municipal de esporte e lazer. Com a anuência dos 13 pares da casa, foi aprovada em segunda discussão e votação essa matéria. O chefe do poder executivo municipal deverá nomear em 30 dias, os nomes dos representantes do Conselho. A partir desta data, os membros escolhidos terão 90 dias para apresentar um regimento interno da entidade. A proposição do Conselho Municipal do Esporte e Lazer foi dos vereadores Rodrigo Inhoatto(PDT) e Camilo Rafagnin(PT).

Já a vereadora Lourdes Pazzini(PMDB) apresentou a preocupação com cinco estudantes da comunidade Jacutinga, que tem dificuldades na conexão com o transporte escolar. Por isso, a vereadora protocolou um requerimento solicitando a possibilidade uma atenção especial a esses estudantes que ficam a margem da rodovia, correndo risco de acidentes, para que sejam atendidos em locais mais seguros. Ela contou com a aprovação de todos os vereadores.

Visita do prefeito

O prefeito Cleber Fontana(PSDB) esteve na Câmara para entregar um parecer sobre a Guarda Municipal ao vereador Zé Carlos Kniphoff(PDT) e foi convidado pela presidente do legislativo, Elenir Maciel(PP) para falar aos vereadores sobre este projeto e outros que estão encaminhados. Na oportunidade, Cleber foi enfático ao dizer que o poder público municipal precisa se preparar para o crescimento e que muito em breve, Francisco Beltrão vai atingir a marca de 100 mil habitantes. Por isso, a guarda municipal se faz necessária neste momento, para coibir a ação dos marginais e garantir a segurança da população. Ele disse que entende a preocupação com as contas do município, mas garante que não vai onerar de forma absurda os cofres públicos. “Deve ter um acréscimo de R$ 70 mil por mês, num orçamento de quase R$ 8 milhões, então não é tão expressivo”, disse o prefeito.