REVOLTA DE 57 TEM DATA COMEMORATIVA

 


       Cinco projetos e dois requerimentos foram aprovados nas Sessões Ordinárias realizadas nesta semana pela Câmara de Vereadores de Francisco Beltrão. Por maioria de votos foi aprovado o projeto 21 do executivo que refere-se à reformulação do Plano Diretor. Trata do zoneamento do uso e ocupação do solo no perímetro urbano. Os demais projetos foram aprovados por unanimidade. O 60, do executivo, autoriza a prefeitura conceder auxílio financeiro de R$ 47.160,00 para a Emater.


       Outras três matéria são do Legislativo. O projeto 12, do vereador Irineu Miller, PT, institui o dia 10 de Outubro como data comemorativa do aniversário da Revolta de 57. Projeto 14, da vereadora Inez de Oliveira Santos, PSDB, Declara de Utilidade Pública a Associação Metropolitana de Oficiais de Arbitragem de Futebol de Salão do Sudoeste, Metrofutsal. Projeto de Decreto Legislativo 005, da Mesa Diretoria, autoriza o prefeito Vilmar Cordasso, PP, a se licenciar do cargo no período de 31 de agosto a 8 de setembro.


       Através de Requerimento o vereador Ivanir Tupi Prolo, PP, reivindicou a instalação de um telefone público na rua Colorado, bairro Jardim Virgínia. A vereadora Elenir de Souza Maciel, PP, solicitou informações da administração municipal a respeito da implantação do Conselho Municipal dos Direitos do Idoso e do Fundo Municipal dos Direitos do Idoso, criados por Lei Municipal sancionada em 2004.


       A vereadora Inez de Oliveira Santos, PSDB, apresentou Indicação onde reivindica a construção de bancos externos junto ao posto de saúde do bairro Sadia para os usuários que aguardam a entrega de fichas de consultas médicas. A próxima Sessão Ordinária da Câmara será segunda-feira, dia 3 de setembro. O presidente do Legislativo, Ivanir Tupi Prolo, determinou para a pauta a votação de um projeto do executivo e um requerimento.

%d blogueiros gostam disto: