CÂMARA APROVA PROJETOS DO LEGISLATIVO

       Na Sessão Ordinária desta segunda-feira, 11, na Câmara de Vereadores de Francisco Beltrão, foram aprovados dois projetos do Legislativo. Um deles, do vereador Paulo Grohs, PSDB, institui o Dia Municipal da Jornada Jovem, a ser comemorado em 25 de janeiro. A Jornada Jovem é um movimento da Igreja Católica que segue os princípios da espiritualidade, doutrina e preceitos cristãos. A escolha de 25 de janeiro é pelo fato de ser a data da realização da primeira Jornada Jovem em Francisco Beltrão, em 1975. Ao longo destes anos já aconteceram 104 jornadas no município.

       Projeto do vereador Valmir Dile Tonello, PMN, autoriza a prefeitura conceder licença para loteamentos rurais, com a implementação dos condomínios fechados. O objetivo é regularizar os loteamentos rurais existentes no município. Esse projeto foi votado em redação final, por maioria de votos, 5X4. Agora o executivo tem prazo de 15 dias para sancioná-lo ou vetá-lo.

       Também estava em pauta O projeto apresentado pela Mesa Diretora que prevê a criação de um fundo especial para assegurar recursos para expansão e o aperfeiçoamento das atividades do Poder Legislativo. O principal objetivo é relacionado a aquisição de terreno e a construção da sede própria da Câmara. Esse projeto foi retirado de pauta para melhor estudo e retorna na próxima semana.

       Por meio de requerimento o vereador Paulo Grohs reivindicou ampliação da rede de iluminação pública na avenida Guiomar Lopes e na Rua João Goulart, no bairro São Miguel, substituição das lâmpadas queimadas e abertura da rua João Goulart até a trincheira. O vereador Alfonso Bruzamarello, PTB, requereu informações do Debetran, Departamento Beltronense de Trânsito, sobre o número de infrações emitidas pelo órgão neste ano, valor arrecadado e tipos de infrações cometidas.

       Através de Indicações o vereador Brizola, PSL, reivindicou melhorias na sinalização e recapagem asfáltica em toda a extensão da rua Marília. Também solicitou pavimentação asfáltica na rua Antonio Sabadin, no bairro Miniguaçu. Ivanir Tupi Prolo, PP, gestionou cascalhamento e abertura de bueiros no acesso à propriedade de José da Silva Santos, na comunidade do KM 23.

%d blogueiros gostam disto: